Impressão 3d

Confira como é feito e vendido produtos de impressão 3D

A impressão 3D é uma tecnologia relativamente recente e que revolucionou o mercado com as suas muitas possibilidades.

Enquanto uma impressora normal trabalha com imagens, figuras em duas dimensões (altura e largura), a impressora 3D trabalha com objetos, figuras que podem ser manuseadas (altura, largura e profundidade).

Neste artigo, você vai entender como esse tipo de impressora funciona e como são vendidos os produtos por ela fabricados.

Como funciona?

O primeiro passo para fazer um produto em 3d com uma impressora, é fazer um modelo virtual. Existem alguns softwares (programas de computador) que podem ser usados para tal.

Esse modelo virtual é um protótipo, servirá de referência, fornecerá as coordenadas para que o produto final seja possível.

Depois desse primeiro passo se dá o funcionamento da impressora em si. O processo por ela executado é conhecido como fabricação aditiva.

Basicamente, camadas de material são adicionadas gradativamente, sobrepondo-se. As dimensões são definidas pelo computador e sempre que uma camada fica pronta logo se inicia a outra.

Para que o Serviço de impressão 3d dê certo, utiliza-se um material que possa ser derretido e solidificado novamente de forma rápida, o plástico.

Existem exceções, mas comumente uma impressora se vale de filamentos de plástico que são aquecidos e posicionados nas coordenadas corretas, pouco a pouco formando o objeto. O tipo de plástico varia:

  • ABS;
  • HIPs;
  • PLA;
  • PETG;
  • PEEK;
  • TRITAN HT.

Esses são apenas alguns dos exemplos mais comuns, existem outras opções de materiais mais ousadas. O WOOD, por exemplo, é o plástico aditivado com fibras de madeira. É perfeito para quem deseja fazer peças de decoração com a impressora, pois possui a estética da madeira.

O Custo impressão 3d varia de acordo com o material escolhido, o nível de complexidade do item, a quantidade pedida e a tecnologia usada.

Assim, para evitar um custo elevado de produção sem necessidade, estude cada tipo de filamento e utilize os mais onerosos apenas quando for, realmente, necessário.

As características gerais do produto final variam amplamente de acordo com o filamento escolhido. Pode ou não ser resistente às intempéries climáticas, pode ou não ser solúvel, pode ser mais flexível ou mais quebradiço, enfim, são inúmeras especificações.

Com uma impressora 3D é possível produzir peças industriais, itens decorativos, material de comunicação visual, itens do vestuário, itens de segurança.

Poucas pessoas sabem, mas, até mesmo, fones de ouvido ou próteses para pessoas com deficiência física podem ser feitas com essas máquinas.

Em alguns casos, são utilizadas para a produção de alimentos, com chocolate em formatos diferentes e mais atrativos ao público.

Como é vendido?

Essa resposta não é única, pois cada negócio possui as suas características próprias. Para ilustrar, pode-se pensar na grande diferença entre uma empresa de impressão 3D voltada à fabricação industrial e outra voltada à fabricação de brindes para eventos e outros itens personalizados.

No primeiro caso, trabalha-se em larga escala e seguindo padrões rígidos. No segundo caso, a quantidade é menor e a estética é o foco.

As embalagens dos produtos impressos tridimensionalmente também são plurais e dependem da situação. Pensando nas embalagens desses objetos, a palavra-chave é fragilidade. É isso que vai determinar se a embalagem pode ser comum ou se exige um cuidado a mais.

Alguns dos plásticos citados possuem uma alta dureza, mas não possuem muita resistência. Isso significa que são produtos quebradiços. O formato também interfere na fragilidade. Se o objeto possui uma haste fina, por exemplo, ela pode ser quebrada no transporte.

Tendo isso em vista, entende-se o porquê de pesquisar por Plástico Bolha Preço ser necessário para diversas empresas de impressão 3D. O plástico com capsulas de ar protege contra o impacto e garante um transporte seguro, sem prejuízos. Se trata de uma solução simples, mas eficaz.

É comum, porém, que a embalagem para esses itens seja apenas um saco ou envelope plástico comum ou uma caixa de papelão. A caixa é bastante vista em trabalhos personalizados de itens decorativos, como esculturas, em tamanhos maiores.

Em conclusão, a impressão 3D é uma forma de fabricar os mais variados objetos de maneira personalizada, com qualidade, precisão e um preço acessível.

Com uma versatilidade incrível, as impressoras 3D estão presentes em uma série de mercados diferentes, desde as indústrias até o ramo alimentício, passando pela fabricação de brinquedos e mesmo produzindo peças de vestuário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *