DecoraçãoEmpreendedorismoMundo infantil

Conheça as avaliações que acontecem em uma clínica de psicologia

Além dos serviços de psicoterapia, clínicas de psicologia geralmente costumam prestar outros serviços como as chamadas avaliações psicológicas.

A Avaliação psicológica infantil, por exemplo, é uma abordagem usada para identificar uma possível situação que possa estar interferindo no comportamento da criança.

Na prática, esse método tem os mesmos objetivos de uma avaliação realizada em um adulto, porém, a forma de investigação é diferente. Isso porque na avaliação infantil, o terapeuta pode utilizar metodologias lúdicas para identificar as possíveis percepções da criança e incentivar a expressão mais livre.

Já em uma Avaliação neuropsicológica cognitiva o processo é mais formal, com entrevistas, aplicações de teste comportamentais e investigação da rotina comportamental do paciente entre pessoas próximas.

Claro que, dependendo, da situação os métodos de avaliação podem mudar conforme avaliação do profissional.

Independente das particularidades, para que uma clínica preste o serviço de avaliações, alguns cuidados com o ambiente devem ser tomados. Quer saber mais sobre o assunto? Continue lendo essa publicação e confira!

Avaliação neuropsicológica cognitiva

Como o próprio nome sugere, esse procedimento serve basicamente para identificar as funções cognitivas e comportamentais de uma pessoa.

A indicação de uma Avaliação neuropsicológica cognitiva se dá principalmente quando o médico suspeita de algum problema no sistema nervoso.

Mas, independente das suspeitas, essa avaliação serve basicamente para identificar fatores como:

  • Condições de memória;

  • Situação de atenção;

  • Reações da linguagem;

  • Raciocínio lógico.

Para realizar esse exame, geralmente o psicólogo realiza alguns testes específicos. Os testes podem ser multidisciplinares e incluir a análise de outros profissionais. Além disso, é comum que o paciente passe por uma entrevista durante a abordagem.

É importante destacar que essa avaliação serve essencialmente para testar as capacidades cognitivas, mas se o paciente estiver passando por algum outro quadro de saúde mental como sindrome do panico, pode ser que os indícios apareçam.

De qualquer forma, caso haja suspeita de algum diagnóstico mais específico é fundamental que o paciente passe por um processo de análise mais voltado à investigação deste diagnóstico.

Avaliação psicológica infantil

Assim como os adultos passam por avaliações, é comum que as crianças façam Avaliação psicológica infantil. Esse exame pode ser solicitado para finalidades escolares ou simplesmente para observação comportamental por causa de uma ou várias situações específicas.

Como as crianças se expressam de forma diferente, é fundamental que os psicólogos tenham experiência e sensibilidade para lidar com o público infantil.

Por isso, é comum que as entrevistas formais e os testes sejam substituídos ou complementados por metodologias lúdicas como a expressão por meio do desenho ou brinquedos.

Cuidados antes e ao longo de uma avaliação psicológica

Independente da avaliação psicológica ser voltada ao público adulto ou infantil, é fundamental que a clínica passe a ideia de acolhimento para essas pessoas.

Por isso, é interessante que a arquitetura e a decoração da clínica tenha elementos que passem a ideia de organização e tranquilidade para essas pessoas.

A disposição dos móveis, a presença de almofadas, a presença de espaços infantis (com paredes desenhadas e mesas com lápis de cor) e música ambiente são boas estratégias para gerar essa identificação.

Além disso, outro ponto muito importante para as pessoas se sentirem mais à vontade nesses espaços é ter um lugar limpo e com uma boa infraestrutura.

Por isso, investir nos serviços de uma Empresa de Limpeza Terceirizada pode ser uma boa forma de dar mais atenção para a organização e gestão da limpeza da clínica psicológica.

Com isso, você garante que os banheiros estejam sempre higienizados e bem equipados, além de café e água à vontade na recepção e outros cuidados que façam que o paciente se sinta acolhido.

Contar com uma pessoa responsável pela gestão desse setor e um (ou mais) auxiliar de limpeza pode ser uma boa forma de cumprir essas estratégias.

Outra questão que pode fazer toda a diferença em espaços como as clínicas de psicologia é a acessibilidade. Isso inclui desde a reserva de vagas para pessoas com deficiência no estacionamento até rampas de acesso, fraldários e outros itens que possam fazer todos os públicos se sentirem bem.

A partir de todos os cuidados, as chances de os pacientes se sentirem mais confiantes na realização das avaliações psicológicas são bem maiores. Afinal, para falar e ser ouvido, espaços acolhedores fazem a diferença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *