ComércioEmpreendedorismoExportação

Empresas de exportação e as suas necessidades para o sucesso

empresas importação

A criação de empresas de diferentes portes é uma forma de ajudar a sociedade diariamente. O desenvolvimento de produtos e serviços úteis consegue movimentar a economia e possibilita a geração de empregos para muitas pessoas.

Para isso, os empresários que investem parte do seu capital para abrir novas empresas podem conseguir excelentes resultados e ajudar muitos indivíduos.

Os negócios nas áreas de importação e exportação são muito promissores, pois o comércio internacional é um segmento que obteve crescimento ao longo dos anos e tem tudo para continuar alcançando patamares expressivos no cenário globalizado.

A demanda por matéria-prima ou produtos específicos de uma determinada cidade, estado ou país são fatores que movimentam o setor do comércio exterior.

Processos para ter uma empresa de exportação

O processo de abertura de uma empresa de importação e exportação é muito semelhante ao de outras áreas, mas há algumas diferenças na parte tributária de mercadorias e o modo de comercializá-las.

Para se ter uma ideia, o empresário que quer ter um negócio neste ramo precisa elaborar um contrato social, registrar no sindicato do setor, ter um alvará de funcionamento para o empreendimento, fazer o registro na Receita Federal para ter um CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica), entre outros processos burocráticos.

Depois de solucionar estas questões complexas, o proprietário da empresa pode se dedicar a escolher o tipo de mercadoria que será exportada, os clientes, países que podem realizar uma parceria comercial, possibilidade que ajuda a empresa a crescer e conquistar o reconhecimento de mercado.

Documentações importantes para importar e exportar

O trabalho de importação e exportação exige uma série de documentos regularizados para evitar problemas com órgãos fiscais e reguladores dos países. O procedimento para saber se as mercadorias estão em ordem é chamado de despacho aduaneiro.

Um despacho aduaneiro de exportação é um trâmite fiscal de cunho obrigatório para que as empresas possam seguir com o processo de entrada e saída de mercadorias do país.

Nesta etapa, todas as informações são analisadas, sendo que o principal objetivo é verificar o cálculo de tributação que está envolvido nas exportações.

Em poucas palavras, o despacho aduaneiro é a liberação da mercadoria pela alfândega para a realização das entradas e saídas do território de origem até o cliente.

Este processo consegue reduzir o prazo do desembaraço aduaneiro, desburocratização dos procedimentos aduaneiros e evita grandes gastos logísticos.

O desembaraço aduaneiro de importação é muito semelhante ao despacho, mas, com uma diferença.

Isso porque os processos burocráticos são feitos para a entrada das mercadorias no país.

Na prática, esta atividade exige a apresentação dos documentos de desembaraço e comprovante de importação. O processo de liberação demora no máximo 8 dias, pois, o processo passa por diversos canais.

Investimentos nas empresas de comércio exterior

A contratação de serviços e profissionais para ajudar na segurança da empresa é essencial para evitar prejuízos com o roubo de mercadorias, invasões, assaltos, problemas para os colaboradores e danos ao patrimônio.

As empresas de vigilante dispõe de funcionários treinados e experientes que conseguem ajudar com processos como:

  • Monitoramento;
  • Segurança constante;
  • Diminui o índice de ações criminosas;
  • Controle de acesso eficiente;
  • Criar a sensação de proteção para os funcionários;
  • Redução de gastos com treinamentos;
  • Serviço terceirizado.

Estes são apenas alguns dos diversos pontos positivos que uma empresa de vigilância especializada pode proporcionar aos negócios de exportação e importação, garantindo que nada atrapalhe as companhias deste ramo.

Recorrendo aos serviços dos vigilantes, os empresários com suas empresas de comércio podem se dedicar integralmente as atividades sem grandes preocupações.

Um serviço diferente e que pode ajudar positivamente os negócios são as ações de segurança patrimonial que tem como objetivo minimizar as perdas patrimoniais que podem ocorrer dentro da empresa.

As tarefas realizadas por profissionais de segurança são o controle de estoque e materiais, vigilância ostensiva, além da implementação de uma gestão eficiente.

O modo de garantir a segurança patrimonial é considerando os seguintes pontos:

  • Inibição;
  • Prevenção;
  • Treinamento;
  • Capacidade de reação;
  • Investimento;
  • Medidas;
  • Integração;
  • Eficiência;
  • Transparência;
  • Sigilo.

Um dimensionamento adequado permite que os profissionais encontrem os pontos mais vulneráveis do negócio e, assim, poderá trabalhar para melhorá-los, aumentando a proteção.

O uso de cone laranja e branco para interditar áreas da empresa que precisam de algum cuidado especial ou que serão colocadas as mercadorias, por exemplo, são modos de manter a organização e eficiência na companhia.

Deste modo, os negócios no segmento de comércio exterior com as importações e exportações são o modo de obter muitos lucros e ajudar no crescimento econômico do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *