Equipamentos

Saiba a importância da norma regulamentadora para os seus negócios

A Norma Regulamentadora número 12 ou nr12, é um dispositivo criado no ano de 1978 pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), fazendo parte da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), com a intenção de definir princípios e métodos de segurança visando a integridade física e a saúde dos trabalhadores na operação de máquinas e equipamentos – novos ou usados – através do estabelecimento de procedimentos preventivos e utilizados durante a rotina de trabalho. Ainda, tem a intenção de regulamentar a utilização dessas máquinas e equipamentos em todas as fases de sua vida útil, desde a montagem, instalação, operação, manutenção, até o seu desmonte ao fim do ciclo vital.

A observância e adequação aos dispositivos contidos nr12, é feita pelo Ministério do Trabalho

A adaptação de um ambiente industrial ou de um canteiro de obras às normas estabelecidas pela nr12 mte, compreende a elaboração de alguns documentos, quais sejam: um inventário das máquinas em operação no local, uma planta baixa que indique a localização dessas máquinas nas obras, além da chamada APR, análise preliminar de risco, elaborada pelo setor de Segurança do Trabalho que irá apontar um diagnóstico de riscos das maquinas e equipamentos em uso.

Tudo isso visa uma posterior elaboração de planos de ação adequados para garantir condições de trabalho mais seguras em maquinários, além de garantir que esses equipamentos estejam operando dentro dos padrões de segurança esperados.

O que é o inventário de máquinas e equipamentos?

O Inventário de máquinas e equipamentos nr12 é constituído por uma lista dos instrumentos utilizados no processo de produção industrial que estão dentro da área onde as empresas são estabelecidas.

Há algumas condições a serem observadas nessa relação, como, por exemplo, as características gerais de cada equipamento (por exemplo, a capacidade e os sistemas de segurança que o compõem).

Segundo esse item da norma, o empregador tem obrigação de manter inventariados as máquinas e equipamentos, de maneira atualizada e feita por um profissional capacitado para isso.

Este Inventário de máquinas e equipamentos nr12 será o passo inicial necessário para adequação à norma reguladora, pois a partir desse documento é que serão elaborados projetos de adequação e a realização da correta avaliação de riscos de segurança nas máquinas e equipamentos.

As informações contidas no inventário irão, portanto, oferecer subsídios às ações que intentam a aplicação da nr12.

O não cumprimento da exigência de existência e atualização do inventário de máquinas e equipamentos acarreta em multas que variam entre R$ 1.201,25 a R$ 3.494,17, de acordo com a quantidade de funcionários.

Além dessa adequação legal, é importante salientar a vantagem desse documento à própria empresa responsável, uma vez que possibilita uma administração mais eficiente das máquinas disponíveis, bem como permite que o setor de processos de fabricação tenha acesso aos sistemas de segurança e maior organização quanto aos fluxos de material.

Vale dizer, finalmente, que as empresas que se encaixam nas categorias de pequeno porte ou as microempresas, não são obrigadas legalmente a manter um inventário de máquinas e equipamentos.

Uma dessas máquinas que pode estar no inventário é um tipo de guindaste chamado de caminhão Munck.

Caminhão Munck: preço, características e a questão da segurança

O Caminhão munck preço é um tipo de guindaste cuja direção se dá de forma hidráulica, ou seja, cuja transmissão de força é regulada pela movimentação de fluídos.

Este tipo de equipamento é instalado sobre o chassi de um caminhão e é utilizado na realização de deslocamento de grandes cargas, especialmente as que são utilizadas na construção civil, como maquinário específico e estruturas pesadas.

Como é utilizado para um fim determinado, é necessário que seja operado por um profissional habilitado a definir precisamente a capacidade de carga do equipamento.

Com um conhecimento apurado por parte do profissional que opera um Caminhão munck preço, o uso desse maquinário será feito de maneira segura e responsável, ainda mais se este estiver sendo feito em situações de risco.

É imprescindível, por exemplo, que o local de utilização do equipamento seja plano e resistente, e que o caminhão permaneça parado enquanto a carga é suspensa, para que não corra o risco de ela cair e ser danificada.

Além disso, o Munck jamais deverá ser usado para arrastar cargas, uma vez que seu projeto foi elaborado para suspensão vertical de objetos.

No que diz respeito à proteção no maquinário em geral, um dos dispositivos encontrados é a grade de segurança nr12, grade modular que garante que o usuário possa fazer uso do equipamento sem maiores riscos a sua integridade física.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *