EmpreendedorismoLimpeza

Fazer produtos de limpeza caseiros é realmente uma economia?

Os produtos de limpeza são itens indispensáveis para o cotidiano de todos os lugares, principalmente para garantir a higiene e um ar mais agradável.

Cada vez mais é possível encontrar diferentes produtos no mercado, entre eles detergentes, amaciantes e desinfetantes.

No entanto, nesse cenário é interessante citar que há pessoas que optam pela produção artesanal desses itens.

O custo-benefício é relativo, pois naturalmente, os itens produzidos devem apresentar uma boa rentabilidade e principalmente, uma qualidade notável para efetuar a limpeza.

No entanto, dependendo do tipo de produto elaborado e da forma de aplicação, é possível obter economia.

Aspectos do amaciante caseiro

O amaciante confort tem como uma das principais funcionalidades promover a proteção das roupas, além de alinhar as fibras dos tecidos e amenizar a fricção no momento de lavagem.

São produtos que também podem contribuir com a redução do desbotamento e a formação da penugem.

No mercado é possível encontrar os mais variados tipos de marcas, tamanhos e aspectos diferentes entre os amaciantes.

No entanto, conforme citado, há quem busque o preparo caseiro, seja adquirindo de pessoas que produzem ou preparando o próprio amaciante.

Ao buscar pela base para amaciante, é possível encontrar os mais diversos tipos de receitas, que podem envolver ingredientes diversos, alguns que são muito comuns no cotidiano. Por exemplo:

  • Água;
  • Sabonete;
  • Colônia;
  • Vinagre;
  • Bicarbonato de sódio.

Esses são apenas alguns exemplos de ingredientes comumente apresentados para o preparo, além do uso de uma garrafa pet limpa e com tampa para efetuar o armazenamento, o que torna essa uma opção também sustentável.

Para quem procura por base para amaciante onde comprar, é importante citar que os produtos podem ser adquiridos de forma separada com comerciantes ou a base já pronta.

Depende do tipo de amaciante a ser preparado, pois também há o concentrado, que embora apresente um volume menor, justamente por ser concentrado, pode durar mais.

As vantagens dos sabonetes caseiros

sabonete em espuma é uma preferência de muitas pessoas para substituir as tradicionais barras, principalmente pela praticidade e diferença no uso.

Assim como o amaciante, também há formas de preparos caseiros e pessoas que aproveitam a oportunidade para efetuar a venda dos sabonetes caseiros, uma vez que há grande possibilidade de inovar e explorar opções naturais.

Para o preparo desse item, normalmente são utilizados ingredientes como sabonete líquido sem fragrância, água e óleos essenciais.

A escolha dos óleos deve ser cautelosa e a dosagem também, pois quantidades excessivas podem comprometer o aroma do sabonete e torná-lo desagradável.

O sabonete líquido também é uma escolha para preparo caseiro, porém, as receitas encontradas comumente envolvem mais ferramentas e ingredientes do que os outros itens apresentados ao longo do texto.

No caso das ferramentas, alguns dos itens que podem ser citados são frascos de armazenamento, espátula, funil, colher para medir e recipientes.

Já os ingredientes também são diversos, entre eles estão lauril líquido, água deionizada, corante à base de água e outros.

Naturalmente, os ingredientes dependem muito do tipo de produto a ser produzido, e quando se trata de sabonete artesanal é possível encontrar grande variedade, por esse motivo, é preciso ter cautela na pesquisa.

Além do sabão líquido e em espuma para higiene, também é possível encontrar meios de produzir em casa sabão para lavar a louça e a roupa.

De forma geral, é possível observar que para quem deseja produzir para consumo próprio, o investimento não é alto e o custo-benefício pode valer a pena.

No entanto, é preciso ter cautela com as receitas previamente selecionadas, mistura correta de ingredientes e aplicação, pois caso contrário, pode causar grandes prejuízos.

Por outro lado, conforme apresentado anteriormente, também há quem escolha esses itens como uma forma de negócio, nesse caso, é interessante um investimento maior devido ao número de matérias-primas e ferramentas necessárias.

Todavia, depende do tipo de produto em questão e do processo selecionado para a sua elaboração.

A economia pode estar ligada principalmente com a quantidade de produção, que muitas vezes acaba não somente atendendo as necessidades domésticas, como também restando material para a produção direcionada para venda.

Outra grande vantagem nesse cenário, é que diversas receitas contam com itens naturais e que são menos agressivos, tanto para o meio ambiente, quanto para a saúde dos consumidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *