Calibração de equipamentos

Você sabe como é realizada a calibração de balanças?

Seja em uma visita à padaria ou ao mercado, ou em uma ida ao médico, as balanças fazem parte das nossas vidas. Desde sua invenção, até os dias de hoje as balanças têm sido utilizadas, de várias formas, para fornecer a massa de objetos, e todas elas precisam passar pelo processo de calibração.

Balanças são amplamente utilizadas como instrumento de medição

Balanças são usadas no comércio (de pequeno e grande porte), em aeroportos, fiscalizações rodoviárias, hospitais, laboratórios, residências, farmácias, enfim, quase todos os lugares. Elas são fabricadas em diversos tamanhos e funções.

Mas seja qual for a função específica onde a balança será utilizada, uma coisa elas têm em comum: a precisão.

Ainda que algumas tenham uma precisão muito maior do que outras, é importante que a medida mostrada no marcador seja próxima ou, praticamente, exata à medida real. A aferição de balanças é feita com esse propósito.

Vamos falar agora sobre alguns tipos de balanças, e suas finalidades, e sobre os processos usados para a calibração de cada uma.

As características que diferenciam os tipos de balança são: precisão e modo de aferição

Balança mecânica

Pode ter dois formatos, com contrapeso ou de molas. As que possuem contrapeso utilizam o método de comparação de massas.

Esse tipo trabalha com base em um objeto cuja massa, (quantidade de matéria, popularmente conhecida como “peso”) é conhecida, e o utiliza para fazer a medição de um objeto cuja quantidade de massa ainda é desconhecida.

Funciona, geralmente, com uma alavanca que mostra o ponto de equilíbrio entre os objetos em comparação.

Já as de mola, utilizam a força elástica das molas (característica que uma mola tem de restaurar ou tentar restaurar sua forma original) para medir a massa, associando uma massa a uma quantidade de deformação (compressão ou extensão) causada na mola.

Esse tipo de balança, com o tempo, foi sendo substituído pelo tipo eletrônico, que geralmente tem uma precisão maior, são mais leves e ocupam menores espaços.

Porém, ainda é possível encontrá-las em alguns consultórios médicos, e comércios, como açougues e peixarias etc. Para calibrar esse tipo de balança, geralmente, é utilizado um objeto de massa já conhecida e ajustes manuais.

Balanças eletrônicas (balança digital)

Essas balanças funcionam com base em componentes eletrônicos. Geralmente, há um prato e, abaixo dele, é posicionada uma célula de carga.

Essa célula é capaz de transmitir dados de acordo com a diferenciação da quantidade e intensidade de pressão feita sobre o prato.

Ele transforma essa energia mecânica recebida, da variação da pressão sobre o prato, em impulso elétrico, que é computado, e resulta na massa indicada no mostrador. Esse tipo de balança é categorizado de acordo com seu nível de precisão.

Isso porque 1mg (um miligrama) é indiferente, quando o objeto em análise é um ser humano, mas, extremamente, importante na pesagem de alguma substância química.

Dentre as eletrônicas, temos:

  • Balança comercial: para alimentícios como pães, frios, frutas etc. Presente em padarias e mercados;
  • Balanças de carga: podem ser feitas para cargas pequenas, ou cargas enormes. Presente em aeroportos, fábricas, setores de transporte no geral, etc.;
  • Balanças simples: daquelas usadas para conferir a massa das pessoas;
  • Balanças para recém-nascidos: usadas em maternidades, para pesar bebês;
  • Balança de precisão: pode ser analítica ou semi-analítica. O que muda é o grau de precisão necessária.

As Balanças de precisão são muito usadas em laboratórios, farmácias de manipulação e quaisquer outros setores que trabalhem com produtos químicos.

As balanças analíticas fornecem mais precisão do que as semi-analíticas. Há categorias de pesos padrão específicas para calibrar balança de precisão.

A calibração de balanças eletrônicas pode ser feita com objetos de massa conhecida, e funções presentes na própria balança, sem necessidade de ajuste manual.

O que são Pesos Padrão?

Sendo eletrônicas ou mecânicas, vimos que para fazer a calibração de balanças, faz-se necessário o uso de algum objeto que já tenha uma massa conhecida.

Desta maneira, é preciso confirmar que o objeto utilizado está de acordo com a massa à ele associada. Esses “objetos de massa conhecida” são denominados pesos padrão.

Para garantir que os pesos padrão usados na calibração de balanças estão corretos, existe uma série de regras, normas e portarias controladas pelo INMETRO.

Todas as classes e categorias de pesos padrão devem estar de acordo com as normas no INMETRO para que possam ser certificados após a verificação (realizada pelo próprio órgão), e possam ser comercializados.

O cuidado na escolha dos pesos padrão, certificados e resistentes, para calibração de balanças, é o que garantirá a exatidão na hora da calibragem.

3 thoughts on “Você sabe como é realizada a calibração de balanças?

    1. Olá, Claudionor! Seja bem-vindo ao nosso blog.

      Há alguns passos para entender se o valor que aparece está correto. Para isso, é essencial fazer a devida higienização com um pano úmido e depois aperte o botão de calibragem (que geralmente é nomeado como “CAL”, “Mode” (Modo) ou “Function” (Função)), pressionando até uma mensagem surgir na telinha. Em seguida, começa o processo de calibração. Então, coloque em cima da balança, durante 5 segundos, qualquer objeto que você sabe o peso exato dele, (no caso da sua balança, como ela é utilizada em casa, o ideal é ser um item que pesa mais do que 5 kg, o que pode ser um saco de arroz, por exemplo). Aperte o botão de calibragem novamente para ajustar o peso e pode desligar o equipamento. Inicie após 30 segundos e já pode utilizar.

      O ideal, para aferição, é contar com o auxílio de um especialista para calibrar a balança de acordo com o seu modelo, utilização e marca.

      Esperamos ter ajudado você.

      Até mais,

      Equipe de Redação Markplan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *