Marketing

Como se tornar um profissional freelancer de marketing?

marketing digital

O marketing digital é uma profissão em ascensão no mercado e as projeções para os próximos anos indicam que a área deve continuar em alta.

Portanto, essa é uma ótima opção para quem busca uma área quente para se especializar, com a vantagem de que a maioria das vagas é para trabalho remoto, ou seja, você tem a liberdade de trabalhar de qualquer lugar.

Se você fizer uma busca rápida, vai perceber que a maioria das vagas é para profissional freelancer.

Isso quer dizer que você, provavelmente, não vai ter vínculo com a empresa, o que te dá ainda mais liberdade de gerenciar seu tempo como bem entender, desde que cumpra o prazo das entregas.

Como entrar nesse mercado?

Apesar de sempre haver vagas, também é crescente o número de pessoas que consideram essa opção de trabalho e busca por ela.

Isso quer dizer que os profissionais que tiverem bons diferenciais, como especializações, agilidade e capacidade de escrever sobre assuntos variados, vão sair na frente.

Muitas vagas não exigem formação específica, o que quer dizer que praticamente qualquer pessoa que queira pode trabalhar com marketing digital.

No entanto, é essencial ter bom conhecimento da língua na qual pretende escrever, além de familiaridade com as principais redes sociais.

As vagas mais interessantes costumam pedir nível superior em Comunicação Social ou áreas afins, o que faz com que o marketing seja uma ótima opção de especialização para quem já trabalha com comunicação, mas quer se recolocar no mercado ou trocar de área.

7 diferenciais

Gostou da ideia e está pensando em investir nessa carreira? Listamos 7 diferenciais que vão te ajudar a conseguir as melhores vagas.

1.   Busque especializações

O melhor ponto de partida é sempre algum curso de especialização em marketing.

Várias plataformas oferecem certificações online, que já são bons diferenciais para as vagas. Mesmo os profissionais experientes devem sempre se atualizar, pois todo dia surge alguma ferramenta nova.

2.   Esteja sempre bem informado

Estar sempre por dentro do noticiário é outro pré-requisito quase obrigatório, e isso inclui até mesmo os memes do momento, que os melhores profissionais sabem usar a favor do que querem comunicar.

3.   Tenha um bom portfólio

Ter um bom portfólio com tudo o que você já produziu de comunicação faz muita diferença na hora de se candidatar às vagas. Organize um documento para isso, de preferência com um design interessante.

Se não tiver experiência, a dica é começar de algum lugar, mesmo que pague pouco, para construir esse portfólio. Você também pode produzir alguns conteúdos para um blog pessoal ou mesmo para o seu LinkedIn.

O importante é ter bons produtos para mostrar para quem contrata.

4.   Use plataformas de vagas

Existem várias plataformas especializadas em conectar potenciais clientes e profissionais de marketing digital. É uma boa ideia se cadastrar em algumas delas, especialmente se você está começando agora.

Escolha os temas e propostas que julgar interessantes e comece o quanto antes a trabalhar.

5.   Invista em networking

Assim como em quase todas as áreas, o mercado de comunicação funciona muito por indicação.

Isso quer dizer que quem conhece e se mostra para as pessoas certas, tem mais chances de ficar com as melhores vagas.

Ter um perfil atualizado e ativo em redes com o Linkedin também pode ajudar bastante. Além disso, cada trabalho bem realizado conta a seu favor, pois seu cliente pode te indicar para outros.

Eventos da área também são boas oportunidades de conhecer pessoas que podem ser boas pontes.

6.   Seja organizado

A organização é uma característica valorizada em qualquer área, mas mais ainda se você trabalha por conta própria e tem vários clientes.

Tenha um planejamento do seu tempo e crie uma rotina para produzir melhor. Além disso, procure sempre cumprir os prazos.

7.   Converse com quem tem experiência

Você certamente conhece ou vai conhecer alguém que já trabalha nessa área há mais tempo. Peça algumas dicas para essa pessoa, tanto de contatos quanto de processos para ser mais produtivo.

Isso certamente vai te ensinar mais alguns diferenciais para cultivar, além dos apresentados nessa lista.